Pesquisar este blog

sábado, 11 de março de 2017

A MORTIFICAÇÃO CRISTÃ – Parte 4: Mortificação dos sentidos, da imaginação e das paixões










O exercício da mortificação cristã


Mortificação dos sentidos, da imaginação e das paixões

(Primeira Parte)




1º Feche seus olhos, diante de tudo e sempre, a todo espetáculo perigoso, e inclusive tenha a valentia de fechá-los a todo espetáculo vão e inútil. Veja sem olhar; não se fixe em ninguém para discernir sua beleza ou feiúra;



 Tenha seus ouvidos fechados às palavras bajuladoras, aos louvores, às seduções, aos maus conselhos, às maledicências, às zombarias que ferem, às indiscrições, à crítica malévola, às suspeitas comunicadas, a toda palavra que possa causar o menor esfriamento entre duas almas;

 Se o sentido do olfato tem que sofrer algo por consequência de certas doenças ou debilidades do próximo, longe de queixar-se disso, suporte-o com uma santa alegria;

4º No que concerne à qualidade dos alimentos, seja muito respeitoso do conselho de Nosso Senhor: “Comei o que vos for apresentado”. “Comer o que é bom sem comprazer-se nisto, o que é mau sem mostrar aversão, e mostrar-se indiferente tanto em um como no outro, esta é a verdadeira mortificação”, dizia São Francisco de Sales;

 Ofereça a Deus suas comidas, imponha-se na mesa uma pequena privação: por exemplo, negue-se um grão de sal, um copo de vinho, uma guloseima, etc.; os demais não o perceberão, mas Deus o terá em conta;

 Se o que lhe apresentam excita vivamente seu atrativo, pense no fel e no vinagre que apresentaram a Nosso Senhor na cruz: isto não lhe impedirá de saborear o manjar, mas servirá de contrapeso ao prazer;




 Cardeal Desidério José Mercier
Excerto do Artigo “La mortificación cristiana”






*****

Leia mais:



Parte 5: Mortificação dos sentidos, da imaginação e das paixões (Segunda Parte)
Parte 6: Mortificação dos sentidos, da imaginação e das paixões (Terceira Parte)
Parte 7: Mortificação do espírito e da vontade (Primeira Parte)
Parte 8: Mortificação do espírito e da vontade (Segunda Parte)
Parte 9: Mortificação do espírito e da vontade (Terceira Parte)
Parte 10: Mortificações que há que praticar em nossas ações exteriores (Primeira Parte)
Parte 11: Mortificações que há que praticar em nossas ações exteriores (Segunda Parte)
Parte 12: Mortificações para praticar em nossas relações com o próximo (Primeira Parte)
Parte 13: Mortificações para praticar em nossas relações com o próximo (SegundaParte)

Parte 14: Conclusão




 
Visite nossos blogs associados:
+

Informe seu e-mail para receber as publicações de VIRTUDES FEMININAS: Delivered by FeedBurner.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este blog é eminentemente de caráter religioso e comentários que ofendam os princípios da fé católica não serão admitidos. Ao comentar, tenha ciência de que os editores se garantem o direito de censurar.